Exposição "Devoções" de Vicente Fernandez fecha o calendário anual de mostras do Museu de Congonhas

Sabe aquela calça jeans que se não usa mais? Ou aquele retalho de tecido que fica guardado no fundo da gaveta e parece não ter mais nenhuma serventia? Então, estes e outros materiais recicláveis se transformam em surpreendes obras de arte nas mãos talentosas do designer de moda Vicente Fernandez. O resultado desse trabalho já pode ser conferido no Museu de Congonhas, na exposição "Devoções", que foi aberta ao público na noite desta quarta-feira, 20, de novembro.  

A mostra reúne quadros confeccionados a partir da técnica "Upcycling", que por meio de colagens com diferentes linguagens aplicadas em jeans dão vida a imagens ricas em detalhes, texturas e perspectivas. O artista mescla com o seu trabalho a reinterpretação de fotografias, gravuras, corte a laser, bouquets de flores reunidos tanto para expressar religiosidade nos relicários de fé, quanto para eternizar pessoas e paisagens.

Vicente Fernandez é nascido em Congonhas e assim como muitos congonhenses carrega consigo as marcas de fé e devoções que marcam a história da Cidade dos Profetas. Em mais 40 anos de experiência na área da Moda, agora Vicente se entrega as artes em sua primeira exposição solo. A mostra fecha o calendário de exposições de 2019 no Museu Congonhas e poderá ser visitada até fevereiro do próximo ano.