10  de setembro de 2016
 
Caixa Acústica apresenta Dona Jandira e Túlio Mourão

Artistas interpretam clássicos da MPB no formato voz e piano

 

O Projeto Caixa Acústica continua a sua programação de shows no Museu de Congonhas (MG), desta vez apresentando o encontro musical entre a cantora Dona Jandira e o pianista e arranjador Túlio Mourão. O espetáculo acontece no dia 14 de setembro, quarta-feira, às 20h, no teatro de arena do centro cultural. Os ingressos custam R$ 2,00 e podem ser adquiridos antecipadamente na bilheteria do museu.

Caixa Acústica tem patrocínio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais por meio da Gerdau, o apoio da FumCult e da Prefeitura Municipal de Congonhas e a produção executiva da TW Cultural, de Belo Horizonte.

Dona Jandira e Túlio Mourão são dois veteranos da cena musical. Nascida em Maceió (AL), mas radicada em Minas Gerais (ela se divide entre o distrito de Itatiaia, em Ouro Branco, e a capital mineira), Dona Jandira começou sua carreira profissional com mais de 60 anos. Logo, o seu estilo de tocar e cantar cativou a nova geração, tornando-se uma grande atração nos principais projetos musicais mineiros.

Túlio Mourão tem uma consolidada carreira instrumental, tendo participado de grandes encontros musicais no Brasil e no exterior. Já participou de discos e shows de alguns dos mais importantes artistas nacionais, dentre eles Milton Nascimento e Maria Bethânia. Mas também desenvolveu um elaborado trabalho solo, marcadamente na área de jazz e MPB, inclusive como compositor.

A cantora Dona Jandira e o pianista e arranjador Túlio Mourão apostam na força gerada pelo encontro de melodias cativantes, capturadas direta ou indiretamente do universo da manifestação popular (marcado pela singeleza, e a espontaneidade) com o contexto da sofisticação instrumental. Neste encontro, eles mostram pérolas como Nada além (Mário Lago e Custódio Mesquita), Eu sei que vou te amar (Tom Jobim e Vinícius de Moraes), Só você (Only You, de Buck Ram, versão de Júlio Nagib), Feitiço da Vila (Noel Rosa), Smile (Charles Chaplin) e Maracangalha (Dorival Caymmi).

O projeto dos artistas está gerando um CD, que deve ser lançado em breve, com o patrocínio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Belo Horizonte.

 

Próximas atrações do Projeto Caixa Acústica Congonhas 2016:

 19 de outubro – show de Flávia Ellen e Chico Amaral

16 de novembro – show de Regina Milagres e Silvia Maneira.

14 de dezembro – show de Trio Amadeus e Kadu Vianna



(Fonte: TW Cultural)